12 de dezembro de 2016

Sobre a saudade


Saudade. O dicionário diz que é um sentimento melancólico devido ao afastamento de uma pessoa. Saudade... distancia... Saudade, segundo os poetas é o medo de ser esquecido. Saudade, nesse momento, é o que escorre agora dos meus olhos enquanto leio as últimas palavras que jogamos no ar. Li a última carta que te escrevi, vi a última foto que te enviei, encontrei aquela frase que marcamos um ao outro com a diferença exata de um ano e em meio as lágrimas um sorriso e logo depois desabo em choro. 
Te escrevi uma mensagem dia desses. Apaguei e a escrevi mais uma dez vezes, mas nós não temos mais a cumplicidade que costumávamos ter e esse sempre foi o meu medo e eu sempre te falei isso. Tudo o que eu não queria era perder a sua amizade e eu gritei isso para o vento, eu gritei isso para Deus. Caramba, você me fez acreditar em Deus de novo e tudo o que eu consegui fazer foi te perder. 
Saudade... Ê palavrinha que machuca.  Ela já diz que queremos o que estamos sentindo falta, perto. E como eu queria ter você perto de novo. Como eu queria acordar de madrugada com uma mensagem que tinha alguma coisa boba e que rapidamente me fazia sorrir. Como eu queria ouvir o som da tua risada, que da última vez estava mais grossa do que eu me lembrava... Como eu queria poder saber como esta a sua vida. Casou? Arrumou um novo emprego? Ainda está indo à missa? Como eu queria..
Há um vazio em meu peito que poucos conseguem ver e essa saudade complementa as minhas cicatrizes que nunca vão sarar. Porque você sempre  foi meu melhor amigo e quando você se foi deixou a saudade comigo, aquela que você tinha me ajudado a esquecer.


___Ruana Lins